Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Mais sobre: Esta comunidade blogosférica em expansão

Sábado, 23.01.10

  

Já aqui referi que é gratificante ler blogues na nossa língua original. E a comunidade de blogues em português ainda está em expansão.

Iniciei esta minha aventura no Sapo, que me acolheu sempre com amabilidade, assim como a tantos outros blogues que tem divulgado. Aqui referi alguns dos meus preferidos no Sapo. Hoje irei referir outros:

Alguns mostram-me a verdade original, outros a verdade através de um olhar sensível e poético.

Uns são luminosos, outros sombrios...

Uns falam-me da minha paixão mais evidente, o cinema-arte, a metáfora da vida, ou a possibilidade da vida-arte, da vida autêntica, sentida, plenamente vivida.

E restam os livros... que sempre mantive perto de mim, os livros. Alguns ainda encaixotados, de mudanças várias, que espero em breve voltar a folhear.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Ana Gabriela A. S. Fernandes às 03:12

Esta comunidade blogosférica em expansão...

Quarta-feira, 20.01.10

 

Esta madrugada tinha preparado um post sobre a música no cinema quando fui surpreendida por esta amabilidade da Equipa do Sapo: colocaram Martin Scorsese, nos Globos de Ouro 2010, a navegar...

Desde o início que me senti acarinhada por esta equipa que tem divulgado os blogues mais diversos nesta grande comunidade. 

E todos sabemos como é gratificante comunicar na nossa própria língua com muitos outros bloggers, trocar ideias, participar, argumentar ou simplesmente, encontrar afinidades.

Já vos deve ter acontecido sorrir ao ver destacado um blogue vosso conhecido, ou ao descobrir mais uma surpresa blogosférica.

 

Há blogues que se transformaram numa casa acolhedora, com biblioteca e tudo, onde os amigos se encontram e trocam informações e ideias, de forma descontraída.

Noutros, encontramos livros e filmes que desconhecíamos...

E há blogues que são jardins... e outros, museus e galerias...

Há ainda os filosóficos, os das ciências sociais, os de economia, os políticos...

Uns sóbrios, outros, provocadores...

E há os poéticos, os que falam da vida, pensamentos e sentimentos, as nossas narrativas ocultas.

Ainda muito por descobrir nesta blogosfera em expansão...

 

Mas o melhor da blogosfera, a meu ver, e desta comunidade, é a possibilidade de sermos surpreendidos, desafiados, animados, inspirados.

À Equipa do Sapo, a minha gratidão por mais esta surpresa, e o desejo que continue o seu óptimo trabalho de informação e de divulgação de blogues, desta comunidade em expansão.

 

 

 

Leituras relacionadas: Um breve esboço sobre a blogosfera no Vozes Dissonantes. Aí vai: Quem tem medo da blogosfera? , Quem tem medo da blogosfera?(cont) e Quem tem medo da blogosfera?(conclusão?)

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Ana Gabriela A. S. Fernandes às 13:38

Amar o Cinema: Martin Scorsese

Segunda-feira, 18.01.10

 

Raramente veremos alguém tão inflamado e transfigurado como Martin Scorsese quando fala de Cinema e dos grandes cineastas do séc. XX. Desta vez foi nos Globos de Ouro 2010 que vi ontem até às tantas.

É realmente enternecedor ver este homem baixinho, de óculos enormes, entusiasmado com o trabalho de restauro dos filmes de Cecil B. DeMille. É esse lado apaixonado pelo Cinema que eu mais aprecio em Scorsese, embora lhe reconheça um enorme talento. Aquele Taxi Driver... o New York, New York... A Cor do Dinheiro... A Última Tentação de Cristo... o comovente Kundun... E, mais recentemente, O Aviador...

Mas no seu trabalho de divulgação do Cinema, do cinema-arte, Scorsese é único! O seu documentário A Personal Journey With Martin Scorsese Through American Movies (1995), por exemplo é, em si mesmo, uma verdadeira obra-prima! Gravei a série, que passou na televisão, quando a RTP2 era um oásis cultural.

Só pelo seu breve discurso sincopado - Scorsese fala aos tropeções, muito rapidamente -, quando foi ao palco receber o Prémio, valeu a pena assistir à cerimónia até ao fim. O Prémio Cecil B. DeMille aqui aplica-se muitíssimo bem!

Também gostei de ver em palco Robert de Niro e Leonardo di Caprio a apresentar o amigo Scorsese e a entregar-lhe o Prémio. Foi um dos momentos mais autênticos e genuínos, de uma cerimónia muito artificial, e apresentada por um humorista inglês sintonizado com a superficialidade de um certo humor americano. 

 

De resto, gostei do breve discurso do realizador alemão Michael Haneke.

E gostei de ver a elegância de Jessica Lange, a destacar-se claramente das outras mulheres. A diferença não estava apenas no vestido, impecável - havia alguns outros vestidos originais -, mas na pose sóbria e amável.

Também gostei de ver na assistência um George Clooney completamente absorvido na causa do Haiti.

 

Tenho falado aqui de paixão e de energia vital. No meu caso, já devem ter reparado que o meu discurso muda logo quando me dedico ao cinema, aos livros ou a outras vozes que descubro na blogosfera.

Hoje a minha descoberta é esta grande surpresa: a amável Equipa do Sapo destaca as_coisas_essenciais. Obrigada. Esta é já uma grande família de bloggers a criar e a comunicar, a reflectir e a trocar ideias.

Que quem por aqui passe se sinta bem recebido, pois n' as_coisas_essenciais há sempre um lugar para todos os viajantes.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Ana Gabriela A. S. Fernandes às 23:08








comentários recentes


Posts mais comentados


links

coisas à mão de semear

coisas prioritárias

coisas mesmo essenciais

outras coisas essenciais

coisas em viagem